Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

Oração à Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Senhora do Perpétuo Socorro,

Que dirigis o olhar e a atenção a todos quantos vos buscam, estendei vossa mão para que possa encontrar apoio e segurança como o vosso Divino Filho, o menino Jesus.

Mãe querida carregai-me no colo quando me assustar diante das cruzes da vida.

Quando meus pés tropeçarem e minhas sandálias escorregarem, sede o fio de esperança a quem possa recorrer.

Que o meu olhar repouse em vosso olhar e meu coração no vosso coração.

Sois a estrela a me guiar e que em vosso silêncio eu aprenda a aquietar meu coração.

Vós indicais Jesus Cristo como Redentor, o nosso Perpétuo Socorro, de quem sois eterna Mãe.

Amém

Subsídios

Pressupostos e horizontes para as atividades pastorais da Paróquia à luz das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (2019-2023)

 

Subsídios - Os Mandamentos

 

Subsídios - Dia Mundial dos Pobres

 

Subsidios - Obras de Misericórdia - Compilação Pe. Simão Valenga

 

Subsídios - A Igreja: Deus forma um povo - Compilação Pe. Simão Valenga

 

Subsídios - Bem Aventuranças: carta magna dos cristãos - Compilação Pe. Simão Valenga

 

Subsídios - Bem Aventuranças: carteira de identidade dos cristãos - Compilação Pe. Simão Valenga

 

Subsídios - Os dons do Espírito Santo - Compilação Pe. Simão Valenga

 

Subsídios: JUBILEUS - Obras de Misericórdia - Compilação Pe. Simão Valenga

 

Subsídios: JUBILEUS - Ano da Graça do Senhor - Compilação Pe. Simão Valenga

 

Subsídios: JUBILEUS - Indulgências - Compilação Pe. Simão Valenga

 

Subsídios: A Caridade - Características do amor verdadeiro - Amoris Laetitia

 

Subsídios: A vocação universal à Santidade - Reavivamento em direção à santidade

 

SUBSÍDIOS PARA A SANTA MISSA DO PAPA FRANCISCO - Compilação Pe. Simão Valenga

Artigo - A Santa Missa

Apresentação - O rito da Missa

 

SUBSÍDIOS PARA O BATISMO DO PAPA FRANCISCO - Compilação Pe. Simão Valenga

Artigo - Batismo

Apresentação - Batismo

 

SUBSÍDIOS PARA A CONFIRMAÇÃO DO PAPA FRANCISCO - Compilação Pe. Simão Valenga

Artigo - Confirmação

Apresentação - Confirmação

Subsídio - Pai Nosso

 

SUBSÍDIO - CARTA APOSTÓLICA ADMIRABILE SIGNUM - DO SANTO PADRE FRANCISCO SOBRE O VALOR DO PRESÉPIO - Compilação Pe. Simão Valenga

Texto

Apresentação

 

SUBSÍDIO - DOMINGO DA PALAVRA DE DEUS

Domingo da Palavra de Deus (texto)

Domingo da Palavra de Deus (apresentação)

Domingo da Palavra Mês da Bíblia (texto)

Domingo da Palavra Dia da Bíblia (apresentação)

 

Catequese dos Atos dos Apóstolos

Catequese do Papa Francisco sobre os Atos dos Apóstolos

 

Subsídio - Padrinhos - Função Eclesial

Apresentação PDF

Padrinhos - Identidade e Função - Apresentação

Quem é o Afilhado

 

Subsídio - Indulgências em tempo de pandemia

Indulgências - COVID19 - Apresentação

Indulgências - COVID19 - Texto

Indulgências - Apresentação

Indulgências e pegadas do pecado

 

Subsídio - Jovens

Anúncio aos Jovens - Papa Francisco

Querigma

 

Subsídio - Perfil do Discípulo

Paulo, perfil do discípulo (texto)

Perfil do Discípulo (apresentação)

 

Subsídio - A Boa Nova

Apresentação

 

Subsídio - O Combate Espiritual

Apresentação

 

Catequese sobre as bem-aventuranças
Catequese do Papa Francisco sobre as bem-aventuranças

 

Orações da Família Vicentina em tempos de pandemia

Orações

 

Subsídio - A Oração

Catequese sobre a Oração

 

Catecismo da Igreja

 

Partituras e áudios da CNBB

  

   

  

 

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

 

  

 

 

MOVIMENTO DE CAPELINHAS

Origem

O Movimento das Capelinhas é um culto familiar prestado a Deus por intermédio de Nossa Senhora. Começou em 1888, no Equador; e chegou em Curitiba no ano de 1937, na Paróquia Imaculado Coração de Maria; Na Paróquia Santa Cãndida o Movimento de Capelinhas, foi instituído no ano de 1963 pelo Sr.Davi Kachel. Desde o ano de 1888 o Movimento de Capelinhas se espalhou-se, rapidamente, pelo mundo inteiro e, em nossa Arquidiocese de Curitiba, milhares de famílias são mensalmente visitadas pela Mãe de Deus.

É bom lembrar que o Movimento de Capelinhas, em Santa Cândida, trabalha junto com as Missões; Organizando Missa em setores de Capelinha! Tendo como Missão, a Evangelização das Famílias, a devoção a Nossa Senhora e o crescimento do Movimento com os objetivos e necessidade da Paróquia, em acordo com as Diretrizes do Movimento de Capelinhas.

Finalidade
O Movimento das Capelinhas propõe-se:

1. Unir as famílias pela oração, pois a família que reza unida permanece unida.

2. Aprofundar e esclarecer a fé pela leitura e meditação da Bíblia, principalmente na ocasião da visita.

3. Unir as famílias pelo mesmo ideal para formar verdadeiras comunidades de Fé, onde todos se conheçam, se amem e se ajudem.

4. Rezar, promover e amparar espiritual e materialmente as vocações sacerdotais e religiosas.

Funcionamento

* Cada Capelinha visitará, no máximo, 30 famílias.

* Permanecerá um dia (24horas) em cada família.

* Todos as famílias devem saber o dia da visita da capelinha e ser pontuais em levá-la na hora e dia marcados à família seguinte.

* Cada Capelinha terá o seu Mensageiro (a) aprovado pelo Coordenador (a) e o Pároco da Paróquia.


Modo de Proceder

1. Ao receber a Capelinha de Nossa Senhora, coloque-a num lugar de honra. Acenda, se possível, uma ou duas velas e reze-se a "Oração da Visita" - (Manual das Capelinhas).

2. À noite, quando a família estiver reunida, reza-se o Terço. Recomenda-se muito que, não só a família, mas também os vizinhos sejam convidados a rezarem juntos, sobretudo nos meses de maio e outubro, dedicados a Maria. As orações do Terço e outras orações, estão no Manual das Capelinhas, que normalmente acompanham as Capelinhas.

3. Depois da oração do terço, sentam-se todos para a leitura e meditação da Bílbia; além disso, pode-se ler também algum livro ou um artigo de uma revista religiosa; exp livro Caminhando.

4. Durante a noite e o dia seguinte, a Capelinha permanece aberta e colocada num lugar de honra. Não há necessidade de deixar luz acesa todo o tempo e, se for preciso, todos podem sair de casa, para seu trabalho e afazeres. Há o costume de se deixar uma oferta na Capelinha, mas também isso não é obrigatório. As ofertas se destinam à formação de futuros sacerdotes, e convém que sejam frutos de pequenos sacrifícios ( ex.: deixar de comprar sorvetes e pipocas, refrigerantes, etc.). Estas ofertas deverão ser entregues, todos os meses, pelo Mensageiro (a) ao Pároco, de acordo com a data das reuniões do Movimento de Capelinhas.

5. À tarde, na hora estabelecida, reza-se a "Oração de Despedida" e leva-se a Capelinha para a casa seguinte, conforme consta na lista. Se não houver ninguém nesta casa, permanecerá mais um dia na mesma casa e, depois, leva-se adiante, para que sempre esteja em dia, seguindo a ordem da lista de visitas.

6. A visita da Mãe de Deus à nossa casa é uma retribuição da visita que nós fazemos ao seu Filho na Igreja. Por isso seria uma contradição receber a Capelinha e não participar da Missa ou do Culto Dominical.

7. Por ocasião do mês de Maio e Outubro, de acordo com a programação da Paróquia, costuma-se levar a Capelinha em procissão para a Igreja, acompanhada das - famílias que recebem a capelinha. É a concentração ou Missa das Capelinhas. Todos são convidados para participar!

8. Mensalmente celebra-se, na Paróquia Santa Cândida, no 4° Domingo do mês ás 8 horas da manhã uma Missa pelas famílias vivos e falecidos das Capelinhas.

9. Caso algum familiar que receba a Capelinha venha a falecer, a Capelinha deve ser imediatamente levada para a casa dele, sendo, após o enterro, levada para a família correspondente ao dia.